PERMITA QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA MESMO QUE OS CÉUS CAIAM



 
Assistam agora: O dossiê "Pelocano"
Por Alberto Couto Filho

A Receita Federal e o Ministério Público, tardiamente penso eu, irão investigar denúncias sobre o enriquecimento ilícito do MegaEvangelista, Valdomiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus autodenominado apóstolo e cognominado “milagreiro”,

A Autoridade Fiscal brasileira não poderia se furtar à investigação pelo fato daquele senhor ter sido acusado de estelionato, lavagem de dinheiro, desvio de finalidade e confusão patrimonial por Edir Macedo, bispo da Igreja Universal do Reino de Deus. Os dois primeiros delitos estão capitulados no Código Penal Brasileiro e os outros como “abuso de personalidade jurídica” são referidos no Art 50 da Lei 10406 NCCB. Se a investigação não “acabar em pizza”, como em 2007, quando o pastor Silas Malafaia da Vitória em Cristo foi investigado por cinco vezes (Receita, duas vezes e MP 3 vezes). Naquela ocasião, suspeitava-se que aquele pastor teria desviado a arrecadação dos fieis da igreja para satisfazer suas necessidades e projetos pessoais. Ele era acusado, também, de ter-se aproveitado da fé dos ofertantes e dizimistas. Surpreendentemente, o denunciado, alegando falha contábil de um seu funcionário e o não recolhimento de um determinado tributo saiu ileso (?) daquela pendenga. Escândalos passados, envolvendo esses que professam a perniciosa teologia da prosperidade foram, também, abafados e esquecidos.

O momento, por demais oprobrioso para nós, cristãos verdadeiros, levou-me àquele tele evangelista norte-americano, JIM BAKKER, condenado a 45 anos de prisão pelas mesmas ações delituosas, por fraude eletrônica, fraude postal e conspiração. A pena foi comutada para cinco anos e, nesse período, aprisionado em situação humilhante, ele escreveu o livro “I WAS WRONG” (eu estava errado), em que condena veementemente o próprio falso evangelho que criou – o evangelho da prosperidade. Neste momento, mais por coincidências estranhas que pela odiosa falácia da teologia da prosperidade, faço três oportunas perguntas antes de expor alguns ditos e feitos bizarros desses impudentes e mendazes vendilhões do templo que juntos formam uma pandilha de enganadores disposta a tomar dinheiro dos seus incautos seguidores:
 
 
1 - Quem, tele evangelista ambicioso como Jim Bakker, poderia estar planejando, neste Brasil, a construção futura de um parque temático com um hotel do tipo Heritage nos EEUU?




 
2 - Quem, neste sofrido Brasil, campeoníssimo em corrupção, deveria/poderia ser condenado por estar engrupindo os crédulos inocentes, fazendo o mesmo que Jim Bakker fez nos EEUU?
 
3 - Quem, tele evangelista arrependido, a exemplo de Jim Bakker, aprisionado/encarcerado numa cela de um presídio brasileiro, teria coragem para escrever um livro, confessando ter logrado o povo de Deus, pregando mentiras para justificar seus espúrios interesses?








I - “A TRAJETÓRIA DE ESCÂNDALOS DO MINISTÉRIO PTL – PRAISE THE LORD”.
Assim como Marcelo Rezende da Record, o jornalista Charles Sheppard do The Charlotte Observer Journal deflagrou uma campanha contra a inescrupulosa e antiética tática de Jim Bakker para arrecadar recursos para o PTL e publicou vários artigos sobre a vida financeira dos dirigentes do PTL. O PTL Club, um talk-show criado por Bakker, oferecia um certificado de participação exclusiva àquele que caia no logro do evangelista e doava US$1000 de oferta voluntaria. Como membro do clube o incauto ofertante tinha como bônus três noites de estadia no Heritage USA.
A promotoria no julgamento de Bakker trouxe a público que dezenas de milhares de membros do clube não foram contempladas pelo bônus da estadia no hotel que possuía, apenas, 500 quartos. Foi tanto o dinheiro arrecadado que Bakker, se não agisse de má fé, poderia ter concluído a construção do hotel. Parte do dinheiro arrecadado foi, realmente, gasta com despesas operacionais, mas um levantamento contábil apurou que Bakker embolsou cerca de US$ 3.4 milhões como se fossem bônus, para si mesmo. Bakker, flagrado em adultério com Jessica Hahn, recompensou a secretaria com US$ 265.000 para que ela silenciasse sobre o caso. O PTL CLUB pagou o silencio daquela mulher.
A justiça comprovou a existência de dois livros para que Bakker camuflasse as irregularidades contábeis do PTL CLUB, conforme denúncia do jornalista Charles Sheppard. Acusado por fraude eletrônica, fraude postal e conspiração, além de outros delitos cometidos, Bakker pegou 45 anos de cadeia, pena revista e comutada para cinco anos. Disse ele em seu Livro “EU ESTAVA ERRADO”, escrito na cadeia: Na minha cela, eu estudei por longas horas a Bíblia Sagrada e varava a noite. Muitas vezes, o sol se ergueu no céu oriental, e eu ainda estava debruçado sobre as Escrituras. Quanto mais eu estudava, mais eu tive que enfrentar a terrível verdade: eu estava pregando falsa doutrina há anos e nem tinha conhecimento de Jesus. Tragicamente, muito tarde, percebi que a PTL (Eu) estava fazendo exatamente o oposto das palavras de Jesus, ensinando as pessoas a se apaixonar pelo dinheiro. As bênçãos de Jesus não poderiam ser igualadas com coisas materiais, mas eu tinha feito exatamente isso. Com a ênfase que coloquei nos bens materiais eu incentivei, sutilmente, as pessoas a colocar os seus corações nessas coisas em vez de coloca-los em Jesus.
Bakker diz ainda que Deus fez com que ele percebesse que havia tomado alguns trechos de textos, fora de contexto para usá-los como pretexto para fazer backup (confirmação) dos seus ensinamentos sobre a prosperidade. Na obra ele escreve, ainda: “Quanto mais eu estudava a Bíblia, mais eu entendia que as mensagens da prosperidade não se alinhavam com o teor das Escrituras. Meu coração foi esmagado ao pensar que eu levava as pessoas ao engano. Fiquei horrorizado por ter cometido tantos erros e fiquei profundamente grato a Deus por não ter me matado como um falso profeta”.
Obs: Saibam mais sobre Jim Bakker e PTL CLUB, acessando:
>http://tempodagracadedeus.blogspot.com.br 
>Google - Jim Bakker – Crime Scene KC
>Google - I was wrong Escerpt from Jim Bakker’s Autobiogrphical BooK


II – VERSÕES COVER DO JIM BAKKER NESTE NOSSO BRASIL
COLOCAR AS “BARBAS DE MOLHO” – É PRECISO

 
 
II - I Silas Malafaia
Ai está o siri-na-lata, dono da franquia VC.
Na foto à esquerda vemos o saudoso pastor Silas Malafaia (de bigode) quando pregava e servia Jesus e preservava a sã doutrina;
 Na foto à direita, vemos o arrogante pregador gesticulando e ofendendo pastores e todos aqueles contrários às suas atuais convicções, vociferando com palavras chulas, acometido do mal camaleônico, transmitido por esta espurcícia chamada teologia da prosperidade. Ele, vez por outra, prega Jesus, mas serve e segue obstinadamente a Mamom.
O deboche em meio a berros denota o seu desequilíbrio atual. Muitos estão criticando as chacotas que faz sobre pastores para angariar popularidade junto aos seus sectários, os seus discípulos e não mais de Cristo. Este comportamento lúdico leva às gargalhadas o povo que o assiste. Disse o editor de um blog que a sua verborreia enfadonha está eivada de psicologismo e racionalismo sem nada apresentar de exegese bíblica.
Outros blogs falam de uma graciosa “exejegue” bíblica quando diz, como se fora um mestre, que “a Bíblia só funciona onde você acredita”. Para os mais antigos, este senhor lembra aquela antiga marchinha de carnaval:
PEPITA DE GUADALAJARA, NÃO TEM VERGONHA NA CARA – a letra tem muito do que ele gosta de fazer.
Mas, quais as coincidências que o aproximam de uma versão cover do Jim Bakker?
1 -   JB O PTL CLUB - SM O Clube de um milhão de almas;
2 -   JB CAPTAÇÃO DE MIL DÓLARES POR PESSOA -  SM Captaçao de um mil reais por pessoa;
3 -    JB CERTIFICADO DE PARTICIPAÇÃO EXCLUSIVA POR TER OFERTADO 1000 DÓLARES - SM Certificado pela semeadura (?) de l000 reais;
4 -   JB BÔNUS: TRES NOITES DE ESTADIA NO HERITAGE USA - SM Bônus: Um livro do finório Mike Murdock;
5 -   JB  CAPTAR PARA EXPANDIR O PARQUE TEMATICO (Heritage USA) - SM Tomar dinheiro dos trouxas para expandir o nº de igrejas (1000?).

“SAIBAM MAIS SOBRE OS COMPARSAS, SÓCIOS PICARETAS DE SILAS MALAFAIA”


Mike Murdock 
 
O charlatão Murdock, idealizador do duvidoso “Clube de 1 Milhão de Almas” finalmente foi desmascarado. No ano passado o embusteiro e seu ministério foram mais uma vez acusados de fraudes. O livro “THIEVES: A DIRTY TV PASTOR AND THE MAN WHO ROBBED HIM” descreve, desta vez detalhadamente, os bastidores do ministério do licencioso e despudorado Mike Murdock e sua obsessão por mulheres rameiras e riquezas.
O autor, Brian “Trey” Smith e Jason Murdock, filho único do Murdock tornaram-se amigos íntimos quando estudavam em seminário em Dallas. Ele narra na obra que passava horas na mansão da família e conheceu uma “sala secreta” protegida por alarmes eletrônicos. A dupla passava horas naquela sala, usando relógios, pulseiras de ouro, anéis de diamante, enquanto folheavam a coleção de revistas pornô do senhor Murdock. Ali mesmo faziam uso de bebidas e de drogas usadas por aquele pastor.
Conta o autor que de tanta indignação ao ver o pastor Murdock pregando na TV, falando sobre Deus, enquanto vivia uma vida devassa, fazendo-se acompanhar de prostitutas de luxo, resolveu escrever a obra, em meio à raiva que passou a sentir pelo Murdock.
Perguntemos ao pastor Silas Malafaia: 
-E agora, grosseirão, o que tem a dizer sobre o seu sócio pilantrão, fundador do Clube Um Milhão de Almas?
-Como você vai encobrir a sujeira para que seus parvos sectários continuem ofertando?
-Seus contadores e advogados já estão preparados para refutar as denúncias que, por certo, virão?
Morris Cerullo

 
Este mumiático indivíduo é o idealizador da bíblia herética Vitória Financeira. Ele afirma cinicamente ser um “milagreiro”, íntimo de Deus. Ele já esteve por várias vezes sob investigação, devido à grana que capta dos ingênuos doadores.
Paul Warren, um antigo executivo do “Morris Cerullo World Evangelism” (MCWE) entrou na justiça com um processo no qual afirma que foi expulso da MCWE depois de confrontar Cerullo sobre sua falta de ética e pundonor e técnicas fraudulentas de arrecadação de dinheiro.
“Entregai a mim as vossas carteiras, diz Deus e deixai-me ser o Senhor do vosso dinheiro. Sede obedienteà minha voz”.  Esta é uma das encenações do falso doutor Cerullo. Dizendo estar conectado diretamente com o Altíssimo este falso doutor vive a faceciar de forma ridícula frente aos crédulos para tomar-lhes dinheiro.
A intenção de John Paulo Warren ao entrar com uma ação contra o falso doutor, Morris Cerullo, é alertar aos cristãos da América sobre o verdadeiro caráter de Cerullo, pois segundo ele, durante dois anos, lhe pediu que se submetesse à liderança de uma igreja para poder ser corrigido, mas Cerullo sempre rejeitou.
Vejam outra estranha coincidência:
Este velhaco fraudulento, com os milhões de dólares arrecadados comprou o falecido canal de TV PTL Network, o Heritage USA e uma área de conferências, encerrando a falência judicial de JIM BAKKER que, naquela ocasião, estava sendo direcionado a um presídio federal para cumprir pena.
O pastor Silas conhece toda a história do enganador Cerullo, mas aos berros, diz aos seus sectários que tudo não passa de invencionice de blogueiros  invejosos, desocupados  e de pastores idiotas, filhos do diabo.

II - II Valdomiro Santiago
>Valdomiro e a silepse de número – “Fassamus tá no prural, intãum Gisus tava com ele...” (CQD BÍBLICO?) 
>Valdomiro e a “baita” da raiva – “Vô esfregá minha meia unjida na cara dessi X9 du Macedu!”
>Valdomiro e as lágrimas do crocodilo – “Ah Sinhor, logu agora queu ia pedi o quatrisimu aus meus freguesis”?

Sobre este espertalhão que se vale da liberdade de crença para explorar pobres e ingênuos não há muito que dizer, pois neste momento ELE ESTÁ NA BERLINDA por enriquecer ilicitamente.
Será mesmo que as autoridades vão tomar providências e punir exemplarmente este estelionatário e atentar para as acusações contra outros TeleEvangelistas  iguais ou piores que ele quanto às técnicas para roubar o dinheiro do povo de Deus?
Ele disse ao Ratinho que se quisesse ele fazia até chover. Seria ele a versão cover do Jim Bakker e do profeta Elias?
...E se fosse, mesmo assim, penso na dificuldade que teria para escrever um livro na prisão, em cela não especial.


II - III Os Hernandes
 
 Caindo “aos cacos”; na “pindaíba”; já “no bagaço”, devendo a Deus e ao mundo; ainda assim, o matreiro casal bem que poderia se desfazer de uns itens do seu invejável patrimônio (bota invejável nisso) para indenizar famílias vitimadas por perdas irreparáveis originadas pelo descaso e irresponsabilidade dos líderes da Renascer.
Olhem esta profecia do “cara de pau”, como benção de bem aventurança para este mês de março, quando adultera os ditos de Mateus.  Vejam que coisa mais maliciosa: “As bênçãos dos celeiros cheios” - Deus vai encher até transbordar seus celeiros. Pela primeira vez na vida de muitos, vai sobrar dinheiro no banco” (Só se for no deles lá no exterior). 
Um grupo de fieis da Renascer está na justiça para que se faça uma auditoria nas contas da igreja e para banir o casal de picaretas da liderança da denominação.  Motivo? As dívidas com os proprietários dos imóveis onde acontecem os cultos. Há mais de 50 ações de despejo na justiça de São Paulo. E onde está a grana arrecadada dos ceguetas espirituais, tolos e crédulos nas profecias de prosperidade, artimanha usada mensalmente pelo astucioso Estevam Hernandes?  Dizem que a “bufunfa” vai, “via doleiros”, para o exterior. Os golpes do casal para esfolar os ingênuos giram em torno de negociações de réplicas ungidas (?), como no caso da espada de Davi, que sob encomenda estava sendo vendida a R$ 500,00 a vista  ou a prazo em 3 chequinhos de R$ 175,00 – É muita sem-vergonhice! A lâmina sem corte da espada era personalizada com o dito: Renascer até Morrer.  E a pulseirinha ungida pelo Estevam, vendida por R$ 1000,00 com um pedaço de couro com a inscrição Deus é Fiel? Está  chegado ao Mercado Gospel: Uma Bíblia da bispa Sônia por apenas R$ 110,00 e vem ai a maior aberração do ano: A Bíblia Apostólica comentada pelo trambiqueiro-mor da Renascer, em seus  “últimos estertores de sílfide moribunda”, prefaciada pelo charlatão Rene Terra Nova. Leiam este trecho de texto publicado no excelente  blog PREGANDOAVERDADE.WORDPRESS. COM:
“O motivo de escrever este post é o lançamento da “Bíblia Apostólica”, comentada pelo “Príncipe” Estevam Hernandes e prefaciada por “Patriarca” Renê Terra Nova, o que já dispensa maiores comentários. Os pais da geração apostólica se uniram em favor desta aberração, o que não me causaria nenhum espanto, visto que ambos são semeadores de heresias em favor da prosperidade (deles, claro). Mas o que muito me entristece é saber que tem a chancela da SBB – Sociedade Bíblica do Brasil, que até hoje tinha meu respeito, por ter seriedade e fidelidade com a Palavra do Senhor. Este respeito acabou ao saber desta publicação, por que Deus e Mamom não caminham juntos.”


Gostaria que o casal de safardanas respondessem a uma pergunta, antes de responder as perguntas que a Receita e o MPF, certamente, irão fazer: Por quanto os espertalhões venderiam uma replica, em ouro, daquela linda tornozeleira que, no cárcere, os manteve engaiolados nos  EEUU pela condução ilegal (dentro de uma Bíblia) de moeda americana.

II - IV Edir Macedo
 
Este é o roto responsável pela delação (premiada?) do esfarrapado Valdomiro e que, por interesse próprio, acusaria sujos e mal lavados concorrentes que comercializam oferta voluntárias em troca das bênçãos de Deus.
Esta mente doentia é a favor de tudo o que a Bíblia contraria: Aborto, relações homoafetivas, barriga de aluguel, divórcio, fornicação, prostituição, masturbação, correntes e...fogueiras.
Não perderei tempo em relacionar as conhecidas bizarrices e tramoias deste homem para angariar dinheiro, objetivando a consecução dos seus objetivos pessoais. Apenas relato que os fiscais da Receita Federal, apreenderam neste último dia 21, no aeroporto de Viracapos, um avião do tipo Citation X de propriedade da IURD, da filial da Argentina, com uma grande soma de dinheiro. Pelo que se sabe esta é mais uma das apreensões de dinheiro da igreja do nefasto Edir Macedo em aeroportos do Brasil. Lembro-me de ter sido apreendido em poder do Bispo João Batista Ramos, deputado pelo PFL-SP  a importância de dez milhões de reais em dez malas. Isto aconteceu em um hangar da TAM em julho de 2005. As autoridades nada revelaram (até hoje) sobre a sequência do acontecimento.
 O que vocês querem que eu diga mais? Ninguém soube de mais nada após a notícia.
Quando vierem as acusações (se vierem), a Receita e o MPF terão pela frente os mais experientes advogados afeitos e atreitos com esses tipos de crimes praticados pelo seu astucioso cliente.
Poderá escrever um livro na cadeia que, no contexto do arrependimento tardio, poderá   sugerir um título tipo: “ENGANEI O BOBO NA CASCA DO OVO”. Só Cristo!
II - V René Terra Nova
 
Este indivíduo autodenominado pastor, bispo, apóstolo, patriarca, paipóspolo dizem, “a boca pequena”, não sabe mais onde botar o dinheiro ganho com as suas falcatruas antibíblicas. Dizem ainda que tem muita influência no âmbito político, por isso dizem também que...dizem, dizem... Ele é o prefaciador da Bíblia do salafra Estevam. Ironicamente disse um amigo sobre esse prefácio:   O meu parceirão Estevam é um líder incansável na captação de recursos junto aos pobres coitados que o seguem; ele é uma espécie de GPS apostólico, dando dicas de como extorquir dinheiro dos que nele acreditam. Ele opera no mercado das bênçãos, prometendo unções de todos os tipos. Por exemplo, ele ofereceu uma “unção de nobreza de Salomão” pela bagatela de R$ 10.000,00. Disse este mentiroso ter recebido profecia de Morris Cerullo, o sócio do Silas, quando segurava sua camisa. Pelo fato do pseudo-doutor Cerullo ser judeu, ele disse ter recebido a “unção de Davi”. Não me perguntem com quanto ou por quanto ele negociou esta unção fajuta!
Aqui está um sério candidato a receber da justiça tudo aquilo que Jim Bakker recebeu, depois de acusado pela prática dos mesmos crimes. Estejam certos de que, trancafiado, ele escreverá um livro. Vou sugerir o título:  “A Unção de Jim Bakker”. Podem estar certos de que teremos pela frente um best-seller.

II - VI  R R Soares
 
Você que foi vitima de bruxaria, feitiçaria e está com a vida amarrada, não pode perder a oportunidade de vencer pelo sangue do Cordeiro. CORRENTE DAS MÃOS ENSANGUENTADAS DE JESUS, no dia 27; Só o nome desta corrente já merecia uma voz de prisão. Diz este outro “cara de pau”, seguidor da confissão positiva do Hagin e do Kenyon: A gente ora e confessa muito, mas não mandamos. Jesus pagou o preço para que façamos isto – é gostoso mandar! Não precisamos orar por dinheiro. Exijamos tudo de Deus, pois ele quer que usemos a melhor roupa; que dirijamos os melhores carros e tenhamos de tudo o melhor, aviões, helicópteros, mansões, etc.
Conhecemos o senhor Kenneth Hagin, o pai da teologia da prosperidade. O Pastor Ciro Zibordi, como eu e outros “idiotas” não recomenda a leitura dos seus livros. Eis uns “troços” do missionário:
>Comamos o bolo ungido da multiplicação;
>Que tal uma pausa para vendermos TV por assinatura?
>O dízimo agora será em débito automático;
>Vejam o que diz o salmista em Sl 50:16-17 (Não leiam, por favor, os versículos 18 e 19?)
>Nada é pior do que deixar de depositar seu dinheiro como patrocinador (Vocês conhecem a ira e a fúria de Mamon?)
Uma incógnita: Como o cunhado do Macedo reagirá quando suas falcatruas forem denunciadas?
Aguardemos.


II - VII  Bispo Rodovalho
 
Pouco a falar sobre o riquíssimo Rodovalho. Lembro-me de que ele estava envolvido no golpe das passagens aéreas, quando usava sua conta de passagens oficiais para transportar músicos gospel para os seus shows.
Seus asseclas lá de Brasília têm o hábito não recomendável de esconder dinheiro dentro de cuecas e meias e de orar a Deus pelas propinas recebidas.  
Anotei, também, as respostas heréticas deste endinheirado pseudo-intelectual à carta aberta do Pastor Renato Vargens a ele destinada. Foi quando ele perdeu a excelente oportunidade de calar-se e nada escrever em resposta. Sua estúpida e anti-bíblica ridicularia foi exposta quando disse, dentre outras besteiras:
>"Ou você quer corrigir minha doutrina publicamente?"
>"Criticar estes ensinos irmão é criticar homens que nos precederam..."
>"Viva sua fé, e deixe cada um viver conforme seu entendimento bíblico.">"Aliás, os frutos de nosso ministério falam mais alto do que nossas palavras e nossas idéias."
>"...Sobre a visão megalomaníaca a que você se refere, oro ao meu Deus a cada dia para aumentá-la, até porque, em um mundo de dores como o nosso, oxalá tenhamos homens com imensas visões e práticas, como eu, para assim possamos cumprir o ide de Jesus Cristo. 
Digo eu: “Deus queira que ele venha a ser denunciado e que nossas autoridades fiscais e policiais cumpram o “ide” da Receita Federal e do Ministério Público Federal, investigando a ilicitude dos seus atos, fruto da megalomania que ele quer ver aumentada, para usufruir ganhos no seu espúrio ministério.
II - VIII Valnice Milhomens
 
Valnice sorrindo, sem nenhuma razão aparente; sem saber porque.
Valnice orando pela recuperação dos bulbos capilares do governador Geraldo Alckmin. 

Esta brasileira, apóstola por imposição (no peito e na raça), é considerada a maior heresiarca do mundo atual.
O teólogo apologista Paulo Romeiro faz uma crítica veemente aos ensinamentos da “vidente” Valnice, em seu livro SUPER CRENTES. Eu recomendo a sua leitura.
Defensora da doutrina pré-tribulacionista e assumida profeta da fé/prosperidade, mostra ser uma fanzoca/adepta de Kenneth Hagin, quando sorri, como na foto, de forma desenxavida. Quem acreditou naquela espúria “unção do riso”?
Temam todos a sua língua viperina quando defende/propaga o G12 e a Teologia da Prosperidade.
Sorte dela não escrever em livro que Jesus voltaria num sábado qualquer de 2007, pois da mesma forma que Lindsey Hal, ela se envergonharia, mais ainda, ao ver seu livro retirado de circulação pelo fracasso das suas absurdas previsões.
Ela deve estar preocupada, mesmo não podendo colocar “barbas de molho”. (ou pode?).
Se denunciada por lograr seus incautos seguidores, quero vê-la sorrir quando imaginar-se encarcerada em um presídio nacional. Por ser uma experiente escritora, não teria qualquer dificuldade para escrever um livro sobre o seu arrependimento.
Concluo:
Vejam os meus queridos leitores que não cito sequer uma passagem bíblica para mostrar até onde a Justiça de Deus será aplicada como punição àqueles que usam as ovelhas do rebanho do Senhor como pasto, se apascentando a si mesmos, inda que Ezequiel tenha profetizado o fim desses tais, conforme desígnios do Pai Eterno. Neste meu texto, o que faço é “amontoar brasas vivas sobre a cabeça dos pregadores da teologia da prosperidade e dos seus esperançosos e ingênuos seguidores/ofertantes” e isto, segundo Paulo, é uma orientação bíblica.
Deixemos a punição por conta da Justiça dos homens. Submetamo-nos às autoridades, pois elas procedem de Deus. Existem o Novo Código Civil Brasileiro e o Código Penal Brasileiro para que julgamentos sejam estabelecidos. Portanto, aceitemos como cristãos que apenas os ditames legais, aquilo que é preceituado por homens sejam usados e, esperemos que se faça justiça.
Reflitamos nesta máxima romana, enquanto oramos sinceramente a Deus pelo arrependimento e libertação destes nossos irmãos que hoje, abertamente, servem a Mamon.

“PERMITA QUE A JUSTIÇA SEJA FEITA MESMO QUE OS CÉUS CAIAM”
Alberto Couto Filho
FONTE: BLOG DO ALBERTO

EM CRISTO,

MARIO CESAR DE ABREU

Comentários

  1. 2 Pedro 2. 1a 6
    E TAMBÉM houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição.
    E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade.
    E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.
    Porque, se Deus não perdoou aos anjos que pecaram, mas, havendo-os lançado no inferno, os entregou às cadeias da escuridão, ficando reservados para o juízo;
    E não perdoou ao mundo antigo, mas guardou a Noé, pregoeiro da justiça, com mais sete pessoas, ao trazer o dilúvio sobre o mundo dos ímpios;
    E condenou à destruição as cidades de Sodoma e Gomorra, reduzindo-as a cinza, e pondo-as para exemplo aos que vivessem impiamente;

    Deus vai tratar com eles pessoalmente.

    ResponderExcluir
  2. GRAÇA E PAZ!

    MUITO BOM O SEU COMPLEMENTO DE INFROMAÇÕES.

    DEUS TE ABENÇÕE QUERIDA IRMÃ!

    EM CRISTO,

    MÁRIO CÉSAR DE ABREU

    ResponderExcluir

Postar um comentário

SINTA SE A VONTADE PARA COMENTAR

Postagens mais visitadas deste blog

AS NOVAS HERESIAS DE NEUZA ITIOKA

Governantes, ouçam a Palavra de Deus!

Um clamor pela intervenção de Deus