"OS céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos." (Salmos 19:1)




Um texto escrito pelo físico Albert Einstein no qual ele expressa suas opiniões sobre religião, conhecido como "Carta de Deus", foi vendido em um leilão pela internet para um comprador anônimo por US$ 3 milhões, segundo o site eBay .A venda concretizou se aos 16 de outubro ultimo.
A carta de Einstein, foi escrita  à mão em alemão no dia 3 de janeiro de 1954 e era destinada ao filósofo Erik Gutkind, de quem ele havia lido a obra: "Escolha a vida: o apelo bíblico pela revolta".

Miniatura da carta


Um Pouco de História

Devido à formulação da teoria da relatividade, Einstein tornou-se mundialmente famoso. Nos seus últimos anos, sua fama excedeu a de qualquer outro cientista na cultura popular: "Einstein" tornou-se um sinônimo de gênio. Foi por exemplo eleito pela revista Time como a "Pessoa do Século", e a sua face é uma das mais conhecidas em todo o mundo. Em 2005 celebrou-se o Ano Internacional da Física, em comemoração aos cem anos do chamado annus mirabilis (ano miraculoso) de Einstein, em que este publicou quatro dos mais fundamentais artigos cientifícos da física do século XX. Em sua honra, foi atribuído o seu nome a uma unidade usada na fotoquímica, o einstein, bem como a um elemento químico, o einstênio.(Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre)

Einstein, nascido na Alemanha de uma família judia, diz na carta que pertence “com prazer” ao povo judeu, mas, ao mesmo tempo, mostra uma posição distante em relação às religiões. Veja um trecho da carta:“A palavra ‘Deus’ não é para mim nada além da expressão e o produto de fraquezas humanas, e a Bíblia é uma coleção de lendas honoráveis, embora primitivas e bastante infantis. Nenhuma interpretação, não importa quão sutil, pode mudar isso [para mim]”.

Amados, ele foi um cientista que muito mais que qualquer um de nós,pessoas simples e leigas no estudo avançado da física, conseguiu "ver" as digitais do Criador no universo estudado por ele mas,não conseguiu "enxergar" o que o salmo 19 nos ensina,que Deus é proclamado em glória pela sua criação. Na carta aos Romanos,capítulo 1,Paulo nos deixa claro que o homem não tem desculpa para não crer em Deus :  Porque do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens, que detêm a verdade em injustiça. Porquanto o que de Deus se pode conhecer neles se manifesta, porque Deus lho manifestou. Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis; Porquanto, tendo conhecido a Deus, não o glorificaram como Deus, nem lhe deram graças, antes em seus discursos se desvaneceram, e o seu coração insensato se obscureceu(Rom 1.18-21).

Como eu dizia, o texto acima não deixa dúvidas que Deus pode ser conhecido pela criação e  que ele entende que quem não o faz, se torna "indesculpável" . Einstein como um judeu,  recebeu ensinamentos sobre a pessoa de Deus (todos os judeus recebem) e dotado de inquestionável inteligência e apto para avaliar sobriamente a magnífica criação de Deus, preferiu se voltar para os lados da concepção humana, ao invés de se voltar para a Fé que reconhece um Deus pessoal como o Soberano Criador dos céus e da terra. Veja este texto de Jesus:"Naquele tempo, respondendo Jesus, disse: Graças te dou, ó Pai, Senhor do céu e da terra, que ocultaste estas coisas aos sábios e entendidos, e as revelaste aos pequeninos."Sim, ó Pai, porque assim te aprouve."
(Mateus 11:25,26) Aqueles que querem fazer suas escolhas baseados em sua própria sabedoria,não tem a benção do Senhor para ver com os olhos da fé.

Que possamos nos lembrar do grande privilégio que temos de "crer" no Senhor e conhecer através desta fé, a salvação em Cristo que enviado por Deus nos resgatou e por ele somos feitos filhos de Deus;que possamos sempre dizer: "OS céus declaram a glória de Deus e o firmamento anuncia a obra das suas mãos." (Salmos 19:1) 

Em Cristo,
Mário César de Abreu

Comentários

  1. Felizes, privilegiados, benditos e bem-aventurados somos nós pela grande oportunidade que tivemos em conhecer esse tão grande amor do Senhor Jeová através do seu filho Jesus, o poderoso Rei Eterno.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

SINTA SE A VONTADE PARA COMENTAR

Postagens mais visitadas deste blog

AS NOVAS HERESIAS DE NEUZA ITIOKA

Governantes, ouçam a Palavra de Deus!

Um clamor pela intervenção de Deus