O “Festival Promessas” que você não viu na telinha da Globo

AMADOS LEIAM ESTE TEXTO EM SUA ÍNTEGRA E PROCUREM ENTENDER COMPLETAMENTE O QUE ESTÁ COLOCADO AQUI.
O SHOW TEM QUE ACABAR!!!

MCA

 Por: Estrangeira

Hoje à tarde a Rede Globo apresentou o programa Festival Promessas, de cerca de uma hora de duração, num dos horários mais ingratos da televisão brasileira: sábado à tarde.

Ora, se como alguns sonham os evangélicos estão com a "bola toda" na Globo, por que essa emissora não mostrou o especial gospel num horário mais atrativo, como após a novela das nove? Muitos estão achando que a Globo está se dobrando para os evangélicos, quando na verdade essa emissora está apenas dando umas migalhas em troca da fidelidade comercial do público-alvo em questão. Para se ter idéia da "importância" do horário, o Festival Promessas competiu diretamente com a enésima reprise do desenho Pica-Pau na Record.

Os evangélicos estão mesmo com moral na Globo, não é?

Se segundos pagos a peso de ouro (quase 80 mil reais por 30 segundos de propaganda) é indício de moral com a Globo, os pastores Juanribe Pagliarin e Rodovalho estão com tudo, pois gastaram altas quantias para terem a "honra" de ver seus produtos gospel anunciados na Vênus Platinada.

Enquanto isso, dezenas passam fome bem pertinho das igrejas desses e de outros senhores.

Mas enfim, estivemos na gravação do Festival Promessas em São Paulo. Ficamos de frente a uma das entradas, com nossas faixas estendidas. E foi uma grande bênção.

Muitos vieram perguntar o porquê das faixas, e tivemos a oportunidade de explicar que não somos contra a música, mas contra a comercialização do Sagrado, o uso de Deus como propaganda visando lucro pessoal, contra artistas gospel (pastores e cantores) que só pregam ou cantam com pagamento de cachê.

Ora, se queremos justificar nossos shows como local para a pregação do Evangelho, não é contraditório lucrar com essa pregação? Onde vemos Jesus e os apóstolos, ou mesmo os profetas, ganhando dinheiro em cima da Palavra de Deus?

O que eu vejo, quando leio a Bíblia, é o contrário. Vejo Jesus usando de poucos pães e peixes e comendo tudo sozinho, já que Ele é o pastor e tem que estar bem fisicamente para pregar a Palavra.

Minto. Eu não vejo isso, mas muitos pastores e artistas gospel não só vêm, como usam isso como justificativa, já que precisam do dinheiro em nome de Jesus para se manter.

O que realmente vejo é Jesus dividindo poucos pães e peixes com a multidão que O ouvia. Vejo Jesus dividindo o que não tinha, e não pedindo para quem o assistia para que Lhe desse uma porção do que tivesse.

Quando paramos para pensar que há artistas gospel cobrando 30 mil reais para "louvar", e ainda se achando o "maior ministro de louvor", é caso para choro e ranger de dentes. É fim de mundo gospel.

Muitos dos que nos abordaram no Festival Promessas entenderam essa mensagem. Alguns até desistiram de participar do $how. Outros, porém, ficaram pensativos. E outros mais nos chamaram de "ridículos" e coisas do tipo, afinal, como evangélicos, tinham todo o direito de "se divertir" ali.

Uma questão nos indignou: "onde fica o livro de Amós?", perguntou uma moça que nunca tinha visto tal livro na Bíblia. Como ela, quantos sabem que existe Amós, ou mesmo que existe o final dos capítulos cujos versículos isolados são lidos na pregação dominical?

A seguir, cenas que não apareceram no Festival Promessas da Rede Globo. Precisamos nos voltar para Cristo e Sua Palavra, precisamos diminuir para que Ele cresça. Pena que essa lição os artistas gospel só entenderão quando se deixarem seguir a Cristo e morrer verdadeiramente para este mundo.






Voltemos ao Evangelho puro e simples,
O $how tem que parar!
***
Fonte : Blog: Uma estrangeira no mundo
***
Em Cristo,
MCA

Comentários

  1. A situação está feia mesmo.Pena que muitos não enxergam tudo isso.

    ResponderExcluir
  2. A banalização das coisas sagrada está um caso sério. Precisamos sempre voltar ao primeiro amor, mas não é isto que tem acontecido,pelo contrário, os "artistas gospel" tem se exaltado a cada dia mais. Jesus, tenha misericórdia de nós!!! E se não fosse está misericórdia, que segundo as sagradas escrituras são infinitas?

    ResponderExcluir

Postar um comentário

SINTA SE A VONTADE PARA COMENTAR

Postagens mais visitadas deste blog

AS NOVAS HERESIAS DE NEUZA ITIOKA

Governantes, ouçam a Palavra de Deus!

Um clamor pela intervenção de Deus