Marcos Pereira: um inocente perseguido por conta de Cristo? Faça-me rir!

ESTE ARTIGO FOI EDITADO E REPUBLICADO PELO EDITOR DESTE BLOG E FOI RETIRADO DO GENIZAH.




Volta e meia entra um fulano aqui nos comentários do Genizah ou nas nossas redes sociais exigindo que o site também publique alguns vídeos feitos pela Assembleia de Deus dos Últimos Dias revelando fatos que “inocentariam “ o Marcos Pereira.


Vamos deixar claro uma coisa: Não publicamos e nem iremos publicar tais vídeos até que as autoridades competentes atestem a autenticidade das informações ali reveladas. No entanto, continuarei publicando as acusações contra Marcos Pereira, como divulgadas pelas mesmas autoridades policiais e ministério público.


Por que? Não tenho acesso aos fatos, testemunhos e provas apurados na investigação policial. Portanto, divulgo informações oficiais, como passadas pelas autoridades à frente do caso. Não estou julgando o "pastor ", mas noticiando fatos. Contudo, penso que Marcos Pereira é pilantra e mentiroso e afirmo isto não com base nas informações da presente investigação. Não preciso destes fatos para formar minha opinião sobre ele. Afirmo o que afirmo baseado nas dezenas de vídeos divulgados por ele na internet com testemunhos absurdos de milagres, teatros simulando desencapetamentos, paletós derrubativos, nos usos, costumes e doutrina ridículos impostos aos incautos seguidores de sua seita, além de diversos casos de estelionato religioso e muitos outros absurdos praticados em nome de Deus.


Eu assisti pessoalmente a um de seus shows religiosos e vi a manipulação dos inocentes e os colaboradores de palco mentirosos, embusteiros.


Não reconheço Marcos Pereira como irmão em Cristo. Não são pequenas diferenças que nos separam, penso mesmo que ele não serve o mesmo Deus que eu sirvo. Pior: Creio que este homem seja um anticristo, pois o que ele faz e defende é o contrário da vontade de Jesus.


Só o corporativismo justifica a atual defesa de parte dos evangélicos a este escroque. Este acontecimento se explica a partir da minha tese (e de outros) de que o movimento evangélico hodierno é um fenômeno basicamente cultural onde a maioria adere, como a uma torcida organizada e passa então a consignar determinados gostos, hábitos e trejeitos e a defender os valores de seu time, buscando sempre ofender as outras "torcidas" a fim de defender as suas cores, acreditando em tudo o que os jogadores do seu time fazem, crendo cegamente em suas promessas de vitória e invencibilidade no campeonato; perdoando toda iniqüidade em campo, as suas faltas e atitudes ilegais ou anti esportivas, sempre no espírito da parcialidade, da cor da camisa, nunca do amor e da justiça.



Infelizmente, o charlatanismo religioso não dá cadeia para certos safados que tão bem conhecemos, mas o fato deste camarada estar preso é motivo de festa pra mim. Não que eu me alegre em seu sofrimento, mas porquanto inocentes estejam sendo poupados de sua armadilha religiosa.


Os vídeos circulando no YOU TUBE com “fatos e revelações” para a defesa de Pereira, com testemunhos de gente ligada a ele são, até prova em contrário, tão manipuladores e mentirosos quanto tantos outros que o mesmo grupo publicou com os shows do pastor Sonic... Busque aqui mesmo na barra lateral deste site, as muitas peripécias do inocente Pereira. Por que deveria eu acreditar que agora esta gente fala a verdade, se sempre mentiu e manipulou?


Finalmente, quanto ao vídeo de um político defendendo Pereira e acusando a TV Globo... Façam-me o favor! O que não falta a um pastor safado famoso é um político igualmente safado a quem ele ajudou a eleger e que o defenda de suas safadezas e cuide de seus interesses escusos. Deixem de ser burros!


Se algum dia for provada a inocência deste cidadão, hipótese que considero remota, quase ficcional, neste caso, darei uma notinha pequena aqui no site, mas já aviso que, na mesma notinha, lembrarei que Marcos Pereira pode até ter sido inocentado desta vez, mas o seu testemunho como pilantra do “evangelho” testifica que ele é culpado de coisas muitos piores do que ele foi acusado neste momento.


Marcos Pereira não crê, pois não teme a Deus, mas seria melhor que ele amarasse uma pedra no pescoço e se atirasse ao mar do que enfrentar o juízo de Deus para quem engana os seus inocentes.


Que a experiência atual na vida deste homem, culpado ou inocente, o leve ao arrependimento por suas armações em nome de Deus.


Danilo Fernandes para o Genizah
***
Apoiando esta postagem do Genizah,

Mário César de Abreu

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

AS NOVAS HERESIAS DE NEUZA ITIOKA

Governantes, ouçam a Palavra de Deus!

Um clamor pela intervenção de Deus