O mundo tem amado o que é seu?


Por Mário César de Abreu

"Se o mundo vos odeia, sabei que, primeiro do que a vós, me odiou a mim.Se vós fôsseis do mundo, o mundo amaria o que era seu, mas porque não sois do mundo, antes eu vos escolhi do mundo, por isso é que o mundo vos odeia."(João 15 : 18,19)
Amados,o Senhor Jesus,prestes a dar sua vida  por amor aos pecadores,esteve consolando e ainda ensinando os discípulos mesmo próximo da hora da cruz  e entre outros ensinamentos preciosos nos deixou esta sábia mensagem acima. Temos visto que nos dias atuais muitos se dizem evangélicos mas, poucos são realmente crentes que têm o temor de Deus.

Meus queridos, "se o mundo tem amado o que é nosso" e não tem considerado como loucura a nossa pregação e o nosso viver _"Porque a palavra da cruz é loucura para os que perecem; mas para nós, que somos salvos, é o poder de Deus." (I Coríntios 1 : 18- ,é por que estamos trilhando caminhos que não glorificam ao Senhor. O mundo,infelizmente, tem adentrado às igrejas e trazido os seus costumes pecaminosos,o joio tem aumentado dentro dos nossos templos e no meio do povo de DEUS que desapercebido,têm acreditado que o mundo foi evangelizado de tal forma que é natural as pessoas que não professam a fé cristã,aproximarem se dos crentes e aprovarem nossa crença. Ledo engano,o mundo está cada dia pior e mesmo com a expansão do ensino do evangelho,muitos ainda não aceitam e se nos aprovam é porque nosso testemunho e prática da verdade estão precisando de revisão,a igreja no Brasil e no mundo necessita de outra reforma.

A leitura e o estudo da Palavra foram trocados pelos ensinamentos de homens que falam mentiras e pregam um evangelho adulterado:"Sabendo primeiro isto, que nos últimos dias virão escarnecedores, andando segundo as suas próprias concupiscências," (II Pedro 3 : 3.Muitos têm ensinado a chamada "teologia da prosperidade" que fala em ofertar para receber em dobro ou até cem vezes mais,fazendo comércio das coisas de Deus e com os desinformados:"E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita." (II Pedro 2 : 3).Mas, como o verso acima diz: a  condenação dos que tais coisas fazem não tarda.
Muitas outras invencionices e heresias são hoje comum no meio dito evangélico e tem levado muitos ao inferno.Como os fariseus cegos espiritualmente guiavam muitos para a cova,"Deixai-os; são condutores cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão na cova."  (Mateus 15 : 14)assim hoje, muitos líderes religiosos têm guiado outros tantos à perdição.

É hora de acordarmos e voltarmos ao evangelho puro e simples que Jesus ensinou e que traz sim a prosperidade mas, prosperidade no todo e não só no dinheiro,Calvino,grande teólogo da reforma protestante, costumava dizer que a prosperidade está ligada ao trabalho e vemos que  já no Edém e antes de pecar o homem já havia recebido de Deus um trabalho:"E tomou o SENHOR Deus o homem, e o pôs no jardim do Éden para o lavrar e o guardar."  (Gênesis 2 : 15).Ademais a prosperidade que vem de Deus abençoa a vida espiritual,emocional e material de maneira equilibrada.

A verdade bíblica  também ensina:"Tenho-vos dito isto, para que em mim tenhais paz; no mundo tereis aflições, mas tende bom ânimo, eu venci o mundo."  (João 16 : 33): e mais:"Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas."  (Mateus 6 : 33) e ainda: "Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando."  (João 15 : 14), aflições ou sofrimento, pecado, arrependimento, obediência são palavras esquecidas nos dias de hoje mas sem os ensinamentos que elas representam,não há salvação e vida e sim perdição e morte:"Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor."  (Romanos 6 : 23)

O  verdadeiro evangelho ensina que temos que crer em Jesus e sua obra na cruz :"Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna."  (João 3 : 16); "Quem crê nele não é condenado; mas quem não crê já está condenado, porquanto não crê no nome do unigênito Filho de Deus."  (João 3 : 18)."E que, havendo por ele feito a paz pelo sangue da sua cruz, por meio dele reconciliasse consigo mesmo todas as coisas, tanto as que estão na terra, como as que estão nos céus."  (Colossenses 1 : 20) Este é o evangelho verdadeiro que ensina que o homem precisa de Cristo para a salvação e que embora, a vida possa ser abundante já aqui(João 10),as verdades essenciais do cristianismo são primeiro espirituais e tem a ver com a reconciliação do homem perdido com o Criador que é Santo e Justo e somente por meio da fé em Jesus Cristo  isso é               possível:"TENDO sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo;"  (Romanos 5 : 1)

Enfim,tenhamos em mente que se somos servos de Cristo,não podemos servir nem agradar e muito menos sermos amados pelo mundo.O Senhor Jesus disse:"Lembrai-vos da palavra que vos disse: Não é o servo maior do que o seu SENHOR. Se a mim me perseguiram, também vos perseguirão a vós; se guardaram a minha palavra, também guardarão a vossa." (João 15 : 20)

Assim sendo,vivamos de modo digno do chamado que recebemos de Cristo e preguemos sempre e somente, a verdade contida na bíblia,pois podem nos perseguir ou guardar a nossa palavra como disse o Mestre e Deus estará sendo glorificado e almas estarão sendo salvas.

Em Cristo,
Mário César de Abreu

Comentários

  1. Marioamado,
    Paz

    Profundidade, seriedade, legitimidade, autenticidade, necessidade...VERDADE!!!
    Alberto

    ResponderExcluir
  2. Paz amado Alberto!

    Obrigado por comentar e nos ajudar a pregar a Palavra de Deus como ela é realmente.

    Abraços,

    Mário

    ResponderExcluir
  3. APDSJC!

    O amor é o resumo da Lei de Deus. A Bíblia diz em Mateus 22:37-40 “Respondeu-lhe Jesus: Amarás ao Senhor teu Deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. E o segundo, semelhante a este, é: Amarás ao teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas.”
    Podemos mostrar o nosso amor a Deus guardando os Seus mandamentos. A Bíblia diz em 1 João 5:3 “Porque este é o amor de Deus, que guardemos os seus mandamentos; e os seus mandamentos não são penosos.”
    Não deixe que o seu amor por Deus se enfraqueça. A Bíblia diz em Apocalipse 2:4-5 “Tenho, porém, contra ti que deixaste o teu primeiro amor. Lembra-te, pois, donde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras; e se não, brevemente virei a ti, e removerei do seu lugar o teu candeeiro, se não te arrependeres.”

    Em Cristo,
    ***Lucy***
    Aguardo sua visita...

    ResponderExcluir
  4. Paz amada Lucy,

    Grato por deixar esta mensagem,Deus queira nos dar forças para permanecer em Seu amor.

    Em Cristo,

    Mário

    ResponderExcluir

Postar um comentário

SINTA SE A VONTADE PARA COMENTAR

Postagens mais visitadas deste blog

AS NOVAS HERESIAS DE NEUZA ITIOKA

Governantes, ouçam a Palavra de Deus!

Um clamor pela intervenção de Deus